agrandir le texte diminuer le texte

Accès direct au contenu

Journalisme à l'heure du numérique Portails : www - étudiants - personnels Journalisme à l'heure du numérique

Vous êtes ici : fr > Actualités > Publication : Myrian Regina Del Vecchio de Lima, Kati Eliane Caetano, « Implicações epistemológicas da pesquisa sobre novas práticas jornalísticas: por onde começar? »

Actualité du 1 juillet 2015

Publication : Myrian Regina Del Vecchio de Lima, Kati Eliane Caetano, « Implicações epistemológicas da pesquisa sobre novas práticas jornalísticas: por onde começar? »

 

Myrian Del Vecchio et Kati Caetano publient dans le numéro de juillet-septembre 2015 de la revue Famecos de l’Université Catholique de Rio Grande do Sul un article sur les implications épistémologiques de la recherche brésilienne sur les nouvelles pratiques journalistiques

Revista Famecos.png

Revista Famecos.png

Abstract : This text asks how to begin research about the epistemological implications of new journalistic practices, taking into account that almost two decades researchers have been devoted to understand the limits and characteristics of contemporary journalism, which accounts for various denominations, most related to the technological processes of digitization and convergence of formats/media. Getting subsidies for the initial quest, we had mapped the papers related to the theme, presented in five events of the brazilian Journalism researchers Association (sbPJor). the research raised until 2014 numerous appellations that designate the new practices; the initial results indicate for new inquiries within the epistemological discussion about doing contemporary journalistic, characterized by hybridization and informational streams environments both online and offline, dilation of authorships and multiplicity of sources and devices.Resumo : Este texto pergunta por onde começar uma pesquisa que busque definir as implicações epistemológicas sobre novas práticas jornalísticas, levando-se em conta que há quase duas década pesquisadores têm se dedicado a compreender os limites e características do jornalismo contemporâneo que responde por várias denominações, a maioria relacionada com os processos tecnológicos de digitalização e convergência de formatos/suportes. Ao buscar subsídios para a indagação inicial, parte do mapeamento de trabalhos relacionados à temática, apresentados em cinco eventos da Sociedade Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo (SBPJor). A pesquisa levantou até 2014 inúmeras denominações que designam as novas práticas; os resultados iniciais sinalizam para novas indagações no âmbito da discussão epistemológica sobre o fazer jornalístico contemporâneo, caracterizado pela hibridação de ambientes e fluxos informativos online e offline, dilatação de fontes e autorias e multiplicidade de dispositivos.

Abstract : This text asks how to begin research about the epistemological implications of new journalistic practices, taking into account that almost two decades researchers have been devoted to understand the limits and characteristics of contemporary journalism, which accounts for various denominations, most related to the technological processes of digitization and convergence of formats/media. Getting subsidies for the initial quest, we had mapped the papers related to the theme, presented in five events of the brazilian Journalism researchers Association (sbPJor). the research raised until 2014 numerous appellations that designate the new practices; the initial results indicate for new inquiries within the epistemological discussion about doing contemporary journalistic, characterized by hybridization and informational streams environments both online and offline, dilation of authorships and multiplicity of sources and devices.
Resumo : Este texto pergunta por onde começar uma pesquisa que busque definir as implicações epistemológicas sobre novas práticas jornalísticas, levando-se em conta que há quase duas década pesquisadores têm se dedicado a compreender os limites e características do jornalismo contemporâneo que responde por várias denominações, a maioria relacionada com os processos tecnológicos de digitalização e convergência de formatos/suportes. Ao buscar subsídios para a indagação inicial, parte do mapeamento de trabalhos relacionados à temática, apresentados em cinco eventos da Sociedade Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo (SBPJor). A pesquisa levantou até 2014 inúmeras denominações que designam as novas práticas; os resultados iniciais sinalizam para novas indagações no âmbito da discussão epistemológica sobre o fazer jornalístico contemporâneo, caracterizado pela hibridação de ambientes e fluxos informativos online e offline, dilatação de fontes e autorias e multiplicidade de dispositivos.

mise à jour le 24 juillet 2015


Recherche d'une actualité

Recherche d'une actualité

Université Lumière Lyon 2